Moscou

Muita gente me perguntando sobre a Russia, acho que a galera está animadíssima para a Copa! Mas vocês viram que minha passagem pelo país foi rapidex, né? Aproveitei o Spring Break e fui com uns amigos do Brasil, porém uma semana em duas cidades grandes da Russia, (e ainda fui um dia para a Finlândia), não deu para conhecer tudo! Mas mesmo assim vou compartilhar algumas impressões e dicas com vocês.

Sobre a Copa do Mundo

Se preparem, não vai ser fácil

Primeiramente por ninguém falar inglês.  É real gente, NINGUÉM fala. Daí vocês irão me responder: Igual foi no Brasil! A diferença  é que o brasileiro é muito acolhedor e mesmo não entendendo os gringos,fazia de tudo para ajudar, até mímica! Já os russos… esquece. Cara fechada e reposta seca. Isso é até nas bilheterias dos lugares turísticos. Às vezes rolava uma alma boa, mas a verdade é que pouquíssimas pessoas estão a fim de ajudar.

Outro ponto negativo

Nenhuma sinalização em inglês. Nenhuma placa traduzida. Nem nas ruas, nem nos metrôs e nem nos museus. Acreditem, não tem nada em Inglês. Espero que eles só estejam atrasados (like Brasil) e deêm um jeito nisso para receber o mundo!

Fique atento

Antes de viajar dei uma pesquisada sobre o dinheiro. Li em vários lugares da internet que aceitavam Euro na maioria dos lugares. Errado. Tive que trocar meus Euros por Rublos. E cada Euro dá mais ou menos 70 rublos.

Fique mais atento

Com os taxistas. Eles são mega pilantras e vão te cobrar o olho da cara! Evite pegar um táxi na saído do trem ou do aeroporto, ande umas duas ruas e pegue um. Na saída, eles ficam que nem loucos atrás de passageiro, não existe uma fila, é meio salve-se quem puder! Vou até contar uma coisa engraçada! Conhecemos um russo no trem que queria conversar sobre futebol, óbvio! E quando saímos já estávamos fechando com um taxista quando esse “amigo russo” apareceu e nos salvou! Ele quase brigou com o taxista pelo valor que ele queria cobrar da gente! Fiquem atentos e negociem!

Wifi

Um cocô gente. Melhor você pegar um chip porque liberar a internet é um absurdo. Eu só conseguia usar wifi no hotel porque na maioria dos restaurantes pede um cadastro e você precisa ter um número de telefone russo para isso. Espero que para a Copa do Mundo eles coloquem uma rede pela cidade, né? É essencial hoje em dia para poder se locomover, usar mapa e pedir Uber.

Mas vamos lá, neste post, vou falar do turismo mesmo, no próximo, os restaurantes, ok?

Moscow

RED SQUARE ou Praça Vermelha 

É o lugar mais conhecido e com certeza você irá. É o marco zero da cidade.

Onde fica a Catedral de São Basílio (aquela linda, com as cúpulas coloridas), o Museu de História e a Catedral Kazan.

 

Catedral São Basílio

 

Catedral de Kazan

 

Museu Histórico do Estado

 

KREMLIN

Acho que o lugar mais conhecido de Moscou! É a sede do governo e desde 1991 é também a residência oficial dos chefes de Estado da Russia. Hey Putin!

Mas atenção ao comprar os tickets! Existem vários tipos e entender e/ou alguém conseguir te explicar é muito difícil. Vimos várias pessoas comprando errado. Um só dá direito ao kremlin, outro a apenas algumas partes do complexo e outro ao complexo inteiro. Os horários são pré determinados e às quintas-feiras não abre. Tem muita fila para comprar e por ninguém falar inglês, o processo é bem demorado. Comprar pela internet? Pode ser uma solução, mas o site também é todo em russo!

Kremlin

 

Shopping Gum

Sem dúvida, o shopping mais fofo que já vi na vida! E o melhor, fica da Red Square! Vale pra comprar (tem todas as grifes), comer (cheinho de restaurantes), ou só conhecer, mas vá!

Shopping Gum

Me falaram sobre um sorvete que tem em cada esquina dentro do shopping e é cheinho de fila pra comprar. Obvio que fui provar! E… nada demais rs! Juro! Mas já que você estará lá, vale a pena provar já que é super tradicional.

O famoso sorvete!

 

Teatro Bolshoi

Obrigatório. Mas se você quiser assistir algum espetáculo, já garanta. Eu assisti Anna Karenina, e me surpreendi. Já esperava algo lindo, mas foi muito mais. Emocionante, delicado, gostoso, nem percebi que foram 3 horas e pouquinho. Mas calma, tem um intervalo. Porém, se você não gosta, acha fora do orçamento, ou qualquer outra coisa, não deixe de conhecer o teatro. Você pode apenas visitar e vá mesmo  porque é maravilhoso e cheio de história, coisa de filme! Cada andar tem uma cor e tudo cheinho de dourado e decoração banhada a ouro.

 

Teatro Bolshoi

Atenção!

Lá dentro, não aceita cartão nem Euro. Queria tomar uma taça de champanhe e não consegui nem tomar água!

Minha entrada!

 

Só mais uma coisinha!

Metrô. Cheio de linhas que levam a qualquer lugar, porém muito difícil. Mesmo com mapa ou aplicativo é bem confuso. Falam que ele já é um ponto turístico. Realmente é bem diferente, pois é todo de mármore, mas depois vi que tem outras estações que são mais bacanudas!

 

 

Jajá conto sobre os restaurantes e o famoso strogonoff!

 

6 Comentários

  1. Rodrigo Basso disse:

    Já no aguardo dos próximos !!!

  2. Rose Teixeira disse:

    Oi Jú linda!!! Adorei as dicas…. Vou pra São Petersburgo em julho , vc também foi pra lá? Alguma dica?
    Bjs saudades…

    • Juliana Winter disse:

      Oi Ro!!!
      Fui, mas fiquei apenas um dia, vou postar sobre o que deu pra conhecer e principalmente dois restaurantes incríveis que fui e vale a reserva!!!! Você vai amar!!!!

      bj bj bj

  3. CurtisSlopy disse:

    This is my very first time visiting your site and I am very interested. Thank you for sharing and keep up 😉
    http://artdepas.vicentitats.cat/2017/11/08/write-the-dissertation-program-competent-school/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *